4 passos para recuperar seus cabelos do efeito chiclete

 

Se ao esticar uma mecha molhada o cabelo se encolhe é porque a sua elasticidade natural está comprometida, esse efeito desagradável é provocado, na maioria das vezes, pelo uso (ou abuso) de substâncias químicas, como alisamentos, permanentes, colorações e descolorações. A recuperação dos fios exige cuidados simples e um pouco de disciplina, confira:

 

  1. Interrompa procedimentos químicos

Se o seu cabelo seu tornou elástico depois de um procedimento o primeiro passo rumo à recuperação é suspender o uso de químicas, incluindo os retoques na raiz, enquanto a fibra capilar não estiver forte o suficiente, caso contrário a situação pode se agravar e ocorrer um corte químico.

 

  1. Evite fontes de calor

Dê um tempo no uso de secadores, chapinhas e babyliss para que as fontes de calor não acabem aumentando a fragilidade dos fios, comprometendo ainda a maciez e o brilho do fio, além de comprometer o resultado final já que, por perder a elasticidade natural, um cabelo elástico fica franzido quando é esticado.

 

  1. Monte o seu cronograma capilar

É preciso investir numa rotina de tratamento, por isso monte um cronograma capilar. A fase de hidratação é necessária para resgatar a umidade do fio; a nutrição recupera os lipídios e a oleosidade natural do cabelo, além de eliminar o ressecamento excessivo; já a reconstrução é a etapa mais importante para recuperar um cabelo elástico, ela reconstrói a fibra capilar, devolve toda a massa que acabou se perdendo durante o processo químico e fortalece os fios novamente.

É importante lembrar que o excesso de queratina pode ser prejudicial para os fios, por isso entre dê um intervalo de 15 dias entre cada reconstrução, mas se os fios elásticos estiverem em estado muito crítico essa regra pode ser quebrada e o tratamento pode ser feito semanalmente, sempre depois da hidratação e da nutrição.

 

  1. Faça sempre um teste de mecha

Quando o cabelo estiver forte e saudável novamente, a dica é ir diminuindo a reconstrução gradativamente. Mas é imprescindível fazer um teste de mecha a cada nova aplicação, pois o procedimento é indicado para evitar reações, e através dele, é possível determinar as condições dos fios para receber um produto e também para evitar possíveis irritações, alergias ou lesões aos cabelos e couro cabeludo.

 

QUER DEVOLVER A SAÚDE PARA SEUS CABELOS? CONHEÇA O MIX OLEOTERAPIA BRASIL PARA CABELOS QUIMICAMENTE TRATADOS.

Oleoterapia Brasil

A OLEOTERAPIA BRASIL desenvolveu uma linha de produtos 100% naturais a base de óleos vegetais para oferecer o melhor da nutrição capilar a serviço da beleza dos seus cabelos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *