5 fatos que você precisa saber antes de cortar a franja

 

franjão

A franja é uma excelente opção para quem decide mudar o visual sem transformações radicais na coloração ou no comprimento, ela faz toda a diferença no look, deixando seu visual mais moderno e, graças a tantas versões disponíveis, longas, curtas, laterais, desfiadas, cacheadas …., pode se adaptar a todos os estilos e faixa etária. Listamos aqui o que você precisa saber antes de optar pela tesoura:

  1. É preciso manutenção

Para manter o visual é preciso aparar as pontas a cada três ou quatro semanas, essas mechas crescem muito rápido e para mantê-las longe dos olhos, manter forma e volume, é importante retocá-la regularmente. Mas é importante alertar que para o caso específico da franja o “faça você mesma” não é recomendado, o erro pode arruinar completamente o corte e não é algo fácil de se consertar, portanto, confie essa tarefa para profissionais experientes.

  1. Atenção à divisão natural dos fios

Decisão tomada? Ótimo! Mas antes de partir pra ação observe bem o sentido do caimento do fio; cabelos divididos do mesmo jeito durante muito tempo acabam se acostumando e a franja tende a seguir o mesmo sentido, o cabelo acaba se acostumando, e para quem tem franja, isso significa fios separados nesse lugar específico, pense nisso na hora que for realizar o corte e, antes de desistir, converse com o cabeleireiro, ele saberá a forma certa de amenizar o “problema” e, além disso, existem muitas formas de estilizar os fios para que eles fiquem do jeitinho que você quer.

  1. Exige atenção especial

A manutenção da franja exige alguns pequenos cuidados para que o caimento fique harmonioso com o restante do cabelo; ao deixá-la secar livremente os fios mais curtos tendem a ficar arrepiados, por isso há a necessidade mesmo que mínima de estilização: nos lisos o retoque pode ser feito com secador ou chapinha, lembrando sempre de utilizar um protetor térmico e de regular a temperatura até a 180ºC; se não quiser usar fontes de calor, vale amarrar um lenço enquanto se arruma para acomodar os fios. Já as cacheadas podem utilizar umas gotinhas de finalizador ou uma pomada para dar o peso aos fios.

  1. Tendência à oleosidade

Os fios depositados sobre a testa podem provocar o aparecimento de cravos e espinhas, principalmente nos dias mais quentes e úmidos, isso porque a transpiração agrava o problema. O ideal para devolver o frescor à pele é lavar apenas a franja, mesmo de forma isolada. Um cuidado a mais deve ser tomado por quem faz alguma atividade física, invista em acessórios como grampos e tiaras para manter a franja longe da testa.

  1. Fica bem em todos os tipos de cabelo

Antigamente associada a cabelos lisos, a franja longa favorece a todos os tipos de fios; para os cacheados vale apostar em cortes desfiados e um pouco mais curtos do que para uma franja longa lisa, já que deste modo os cabelos armam mais. Finalizadores, como spray fixador, mousse e óleo vegetal podem ser grandes aliados, eles deixam os fios com o volume ideal e livres de frizz, mas tenha o devido cuidado com a quantidade aplicada, por ficarem mais próximos à pele e aos olhos, estas mechas podem provocar sensibilidade e promover o aparecimento de acne.

QUER TER CABELOS BONITOS E HIDRATADOS? CONHEÇA O MIX OLEOTERAPIA BRASIL PARA HIDRATAÇÃO PROFUNDA.

Oleoterapia Brasil

A OLEOTERAPIA BRASIL desenvolveu uma linha de produtos 100% naturais a base de óleos vegetais para oferecer o melhor da nutrição capilar a serviço da beleza dos seus cabelos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *