6 fatos sobre óleos capilares

oleo-capilar

1. Versáteis, os óleos capilares podem ser utilizados em qualquer tipo de cabelo, ricos em uma gama extensa de nutrientes, eles tratam o couro cabeludo, restauram e protegem os fios, além de promover brilho, maciez e hidratação, atuando de forma eficiente contra uma série de problemas como caspa, seborreia, frizz, pontas duplas e ressecamento;

2. Os óleos podem ser misturados a todos os tipos de produtos capilares: xampus, cremes, máscaras ou condicionadores, podendo ser utilizados como pré-xampu (alguns minutos antes da lavagem), na umectação capilar tradicional ou noturna (para hidratar, nutrir ou restaurar os fios) ou como finalizador (para manter os fios cm brilho e sempre alinhados);

3. Os óleos capilares devem ser evitados antes da coloração ou tratamentos químicos porque funcionam como protetor da estrutura capilar, podendo atrapalhar a ação de abertura da cutícula do fio para o depósito das substâncias empregadas nesses tipos de serviço, mas são altamente recomendados para os cuidados pós-coloração;

4. O óleo mineral é um produto secundário derivado da destilação do petróleo. É um óleo transparente, possui textura espessa, incolor, sem cheiro e quimicamente quase inerte. De baixo custo, tem diversas aplicações na indústria cosmética, sendo facilmente identificado nas embalagens como Paraffinum Liquidum, Paraffin Oil ou Mineral Oil. Ele age na superfície dos cabelos criando uma barreira protetora entre o fio e o ar impedindo que os fios percam água, auxiliando no combate ao frizz e na definição dos cachos, mas atua somente na superfície da fibra capilar, não possuindo nenhum nutriente. Com o uso contínuo esse filme protetor sela as cutículas e impede que o cabelo absorva substâncias de outros produtos e, se não for retirado dos fios completamente, impedirá inclusive a absorção de água, o que resulta em cabelos desnutridos e ressecados;

5. Os óleos vegetais são gorduras naturais extraídas das plantas, na maioria dos casos, das sementes ou da polpa, mas também podem ser extraídos de sementes, raízes, frutos e folhas. Rico em vitaminas, sais minerais, contém ingredientes importantes que contribuem para a revitalização das fibras capilares, aumentam a proteção da pele contra a perda excessiva de líquidos e permitem a respiração cutânea, também auxiliam o restabelecimento de enfermidades da pele, normalizando e reforçando o seu tecido. A sua estrutura molecular é compatível com a da pele, isso permite que seja amplamente absorvido. Ao contrário dos óleos minerais, os de origem vegetal causam menos reações citotóxicas e alérgicas e, finalmente, são biodegradáveis, não poluem e nem agridem o meio ambiente. É importante destacar que o método de extração (trituração, cozimento, prensagem mecânica, extração por solvente, etc.) interfere diretamente na qualidade do produto final, portanto dê preferência a produtos extraídos a frio, eles preservam as propriedades da matéria prima;

6. Há muitas opções do produto em formato de blends; ao combinar determinados ativos, suas propriedades podem ser potencializadas, aumentando ainda mais a eficácia do produto final. Com a fórmula certa os resultados são otimizados e os benefícios podem ser comprovados mais rapidamente.

PARA ADQUIRIR OUTROS ÓLEOS INTEGRAIS 100% NATURAIS ACESSE A NOSSA LOJA VIRTUAL HTTP://WWW.OLEOTERAPIABRASIL.COM

Oleoterapia Brasil

A OLEOTERAPIA BRASIL desenvolveu uma linha de produtos 100% naturais a base de óleos vegetais para oferecer o melhor da nutrição capilar a serviço da beleza dos seus cabelos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *